É hora de começar a pensar nas metas para 2022, entenda como se planejar!

O final do ano está chegando e 2022 está cada vez mais próximo. Ou seja, é o momento de sentarmos para refletir sobre o ano que passou e analisar aquelas metas estabelecidas para 2021.

O ideal é rever para entender o que conseguimos concluir e o que não deu tão certo ao longo do ano. Com isso, podemos ver o que queremos mudar para o próximo ano, quais as nossas prioridades e objetivos para 2022.

Ou seja, é a hora de começar a pensar nas metas do próximo ano. Muitas pessoas se sentem motivadas entre os meses de novembro e janeiro para fazer com que o ano que está chegando seja inesquecível, o melhor de todos.

É claro que não podemos prever o que acontecerá ao longo dos meses, porém, conseguimos controlar a nossa reação e ação perante todas as situações.

Ou seja, podemos dar o nosso melhor para fazer realmente que o próximo ano seja diferente.

Por outro lado, há pessoas que não traçam metas, poisacham que são baboseiras e que não adianta estipular esses objetivos.

Nós concordamos em partes: apenas colocar metas para o próximo ano e não correr atrás delas realmente não adiantam.

No entanto, se a pessoa tem essas metas como base para seus próximos passos, elas podem fazer toda a diferença.

Há também outro grupo de pessoas, aquelas que têm medo de estipular metas e chegar no final do ano ver que não fez nada do que queria.

Se você se identifica com esse último perfil, chegou a hora de mudar. As metas não aprisionam uma pessoa. Se chegar no meio do ano e perceber que várias coisas aconteceram e que não deu para atingir algum objetivo, está tudo bem!

A vida está em constante movimento e mudança, é normal. O fato é que precisamos dar o nosso melhor para conseguirmos atingir o que queremos, seja lá qual for o objetivo de cada um.

Para ajudar todos que estão aqui em busca de dicas para conseguir tirar esses objetivos do papel e realmente fazer acontecer, vamos dar algumas sugestões de como estipular metas para 2022.

Além disso, também abordaremos como conseguir agir no próximo ano para conquistar tudo que deseja. Acompanhe!

Dicas para o planejamento de metas para 2022

A palavra-chave para conseguir estabelecer metas para o próximo ano é organização. O primeiro passo é analisar como foi o ano de 2021, quais objetivos foram atingidos, o que ficou para trás e principalmente, o que está naquela lista que você ainda quer atingir.

Outro ponto importante é entender o motivo pelo qual você não atingiu determinadas metas e procurar melhorar, caso seja algo pessoal. Depois, é importante sentar e anotar o que quer fazer no próximo ano.

Mas nesse passo é importante ter em mente suas prioridades e levar em consideração seu modo de vida e rotina. Por exemplo, se você estabelecer que quer ir para a academia todos os dias da semana, mas sai de casa às 5 horas da manhã para trabalhar e volta só à meia-noite, provavelmente não conseguirá manter essa frequência – seja pelo cansaço ou falta de tempo. 

Portanto, coloque uma meta mais razoável. Até porque se você não conseguir manter a frequência de 5 vezes por semana, vai se frustrar e se sentir mal com isso.

Sendo assim, por que não colocar a meta de fazer uma aula de dança (ou do que você mais gostou) duas vezes por semana em casa? Talvez seja uma meta mais acessível, que você conseguirá bater e ir evoluindo ao longo do tempo.

Lembrando que é só um exemplo! A dica é: adapte as metas com a sua rotina e qualidade de vida. Entenda o que você realmente quer e onde deseja chegar, essa é uma das dicas mais importantes

Aqui vem mais um exemplo relacionado à prática de exercícios. Muitas pessoas dizem que no próximo ano vão fazer uma transição de carreiras, mas nunca levam isso para a frente.

Uma das possíveis causas é: por que você quer isso? Qual seu objetivo? Você realmente quer isso? Muitas vezes a pessoa nem quer tanto assim ou odeia academia, desta forma, será quase impossível ela conseguir manter a frequência.

Só vamos conseguir dar conta das metas se for algo que realmente signifique para nós. 

Entenda essa metodologia

É fundamental usar uma metodologia para estabelecer essas metas. Uma bastante conhecida e muito eficiente é torná-las mais palpáveis. Como? Preenchendo os seguintes tópicos.

As metas precisam ser “SMART”. Isto é, Specific (específica), measurable (mensurável), attainable (atingível), relevant (relevante) time based (temporada). Veja um exemplo de como funciona.

A sua meta é aprender a falar em inglês no próximo ano. Então, o ideal seria montar os seus objetivos da seguinte forma:

  • Específica: quero aprender a falar em inglês;
  • Mensurável: para ver minha evolução, vou fazer provas a cada 3 meses para ver como estou me saindo;
  • Atingível: vou dedicar 3 horas por semana para aprender o idioma com o auxílio de uma professora particular;
  • Relevante: quero aprender porque preciso disso para conseguir uma promoção no trabalho;
  • Temporal: aprender o possível dentro de um ano.

Viu? Agora a meta “aprender a falar inglês” soa mais como um plano do que apenas como um desejo. Assim, as pessoas sabem exatamente o que precisam fazer para conquistar aquele objetivo.

Para tirá-las do papel fica muito mais fácil. Depois que os objetivos estiverem anotados, é hora de agir. As duas principais dicas são: tenha foco, o motivo pelo qual que atingir a meta em mente.

A outra é, de tempos em tempos, ler as anotações com as metas novamente. Se possível, uma vez ao mês pelo menos para relembrar o que deseja, o que precisa ser feito e como está seu progresso. É uma forma até mesmo de estimular a realização de mais metas!

você pode gostar também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência, você pode optar por não participar, se desejar. AceitarLeia mais