Exercícios para cães: Como montar o treino ideal para cada raça?

Assim como nós humanos, os cachorros também precisam se exercitar para não se tornar sedentário e ter uma vida saudável e com maior qualidade. Contudo, para montar um treino de exercícios para cães é preciso conhecer as necessidades e limites desse pet. 

Além de ser extremamente benéfico, o treino para cães é uma ótima maneira de garantir que ele irá se comportar bem, seja em casa ou em ambientes que tenham pessoas desconhecidas. O treinamento para cachorro pode ensinar o pet a entender os comandos básicos, como fazer suas necessidades nos locais corretos e até socializar da melhor forma possível. 

Mesmo não sendo uma tarefa complicada, criar exercícios para cães exige muita paciência e persistência, afinal é preciso dedicação para que eles aprendam os treinos desenvolvidos e consigam manter a saúde em perfeito estado. 

PRINCIPAIS RAÇAS QUE PRECISAM DE TREINAMENTO

Quando o assunto é exercícios para cães, é importante ter em mente que os animais possuem uma personalidade própria. Além disso, algumas raças possuem uma disposição genética diferente, uma vez que existem aqueles que são mais arteiros e agressivos do que os outros. 

Desta forma, mesmo parecendo que não, esses fatores devem sim ser levados em consideração na hora de montar um treino e os exercícios para cães

Isso acontece, pois algumas raças maiores necessitam de treinamento para ter maior socialização e reduzir a agressividade, assim como o Pit Bull, Pastor Alemão, Rottweiler, Bull Terrier ou Doberman. E as de menor porte, tendem a serem mais teimosos e latir em excesso, necessitando de treinamento para o comportamento, como é o caso do Poodle, Shih-Tzu, Lulu da Pomerânia, Yorkshire e Pinscher. 

IMPORTÂNCIA E FREQUÊNCIA DOS EXERCÍCIOS PARA CÃES

Os exercícios para cães possuem múltiplos benefícios, por isso é recomendado proporcionar ao pet diferentes tipos de atividades, pois além de movimentar o corpo, eles ajudam a trabalhar e a desenvolver a parte cognitiva, social, sensorial e até alimentar do animal. 

Quando o assunto é frequência de sua realização, é preciso antes de mais nada entender o estado de saúde do cachorro e suas necessidades, variando também de acordo com a raça, idade, peso e predisposição para desenvolvimento de doenças. 

O ideal é sempre começar com pequenas caminhadas, em período do dia sem altas temperaturas, para depois intensificar os exercícios para cães. E lembre-se de sempre se preocupar com a hidratação do animal. 

QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS E MAIS RECOMENDADOS EXERCÍCIOS PARA CÃES?

Antes de escolher qualquer tipo de exercício para o seu cão é fundamental passar com um médico veterinário para que ele possa avaliar e ajudar a encontrar a melhor atividade para ele. Mesmo no caso dos passeios, um especialista poderá passar as orientações necessárias em relação à duração, uso de protetor solar, local mais indicado, entre outros fatores que auxiliam nesse processo. 

Dentre os exercícios para cães que podem ser escolhidos podemos destacar:

Caminhada 

Um dos exercícios para cães mais indicados para emagrecimento é a caminhada, pois além de servir para o animal gastar energia, ele serve para movimentar o para socializar e estimular diversos sentidos, como tato, olfato, visão e audição. 

Geralmente, esse tipo de exercício é o mais indicado para os cachorros, principalmente para os cães com idade mais avançada ou com problemas de locomoção. O ideal é evitar passear entre as 10h e 16h, apostando sempre no uso de medicamentos como os antipulgas e sempre mantendo a carteirinha de vacinação em dia. 

Natação canina

Entre os exercícios para cães para emagrecer e garantir uma vida saudável ao pet, a natação canina é uma das melhores opções, principalmente para aqueles que possuem algum tipo de problema nas articulações, de pele, feridas, otites e doenças sistêmicas graves. Além de melhorar o metabolismo, esse tipo de atividade melhora a parte muscular e a resistência cardiopulmonar. 

No entanto, o ideal é que esse exercício seja feito com orientação de um médico veterinário e sob supervisão de um profissional da área. 

Cachorródromo ou Agility

Outro exercício para cães que também é recomendado, é o agility ou cachorródromo, uma vez que ele ajuda o cachorro a manter o peso, ficar forte, trabalhar o condicionamento físico e ajuda a acelerar seu metabolismo. 

Hoje pode-se encontrar diversos locais para a realização desse tipo de atividade, mas caso a região que reside não tenha a estrutura, é possível montar o circuito em casa, com a ajuda de um treinador. Ah, lembre-se que, em atividades ao ar livre, reforçar o uso de antipulgas, pois nesses locais os pets ficam mais suscetíveis a essas pragas!

Exercícios para cães