Saiba quais são as etapas do desenvolvimento da linguagem nas crianças

A linguagem é a habilidade de entender e criar conceitos mentais sobre tudo o que é aprendido e é na primeira infância que os pequenos mais a desenvolvem.

Existem diversas maneiras de contribuir para o desenvolvimento da linguagem das crianças, por meio de brinquedos educativos, atividades sensoriais, jogos, conversas, músicas e muito mais.

Sendo assim, a participação da família nos primeiros anos de vida é fundamental para auxiliá-los nesse desenvolvimento.

Então, para que você entenda um pouco mais sobre o assunto e saiba como ajudar a criança, no post de hoje vamos falar sobre as etapas do desenvolvimento da linguagem.

O que é esperado para cada idade?

1 a 3 meses

A comunicação do bebê é feita com variações de entonação do choro e dos sons emitidos por ele, conseguindo indicar quando está com fome, sono ou cólica. Além disso, desde cedo, ele começa a compreender alguns sinais de comunicação, como entonação da voz e expressão facial do adulto, sorrindo quando alguém está em sua frente ou se acalmando com a voz da mãe.

4 a 6 meses

A partir do 4º mês, o pequeno começa a emitir mais sons, mexendo a boca e variando a voz, como se estivesse se preparando para as primeiras palavras que logo estarão presentes no dia a dia.

7 meses a 1 ano

Torna-se mais frequente a reprodução de consoantes como “m”, “b”, “p” em sílabas e junções sem significado, como “angu” e “mamama”. Aqui, o pequeno já olha quando é chamado pelo nome e sabe o significado de expressões como “não”, “tchau”, etc.

1 a 2 anos

Começa a falar as primeiras palavras com significado, como “papai” e “mamãe” que são de fácil reprodução. A partir dos 18 meses, ele aprende novas palavras com maior facilidade e consegue manter pequenos diálogos.

2 a 3 anos

Aqui, a criança já aprende cerca de 200 a 400 palavras novas e começa a criar frases com 3 a 4 palavras, além de contar histórias com a ajuda de um adulto.

3 a 4 anos

O vocabulário está ainda maior e começa a usar preposições, plural e sentimentos em frases longas em todos os tempos verbais. Consegue manter um diálogo sem dificuldades e as histórias já têm mais detalhes.

4 a 5 anos

Por fim, nessa idade o pequeno já conta histórias sem a ajuda de adultos ou figuras. Além disso, usa com facilidade frases maiores tendo noção adequada de tempo e condições, mas ainda tem certas dificuldades em alguns momentos.

Quando se preocupar?

Por mais que as informações anteriores sejam esperadas para cada idade, cada criança é única e tem seu próprio ritmo de desenvolvimento e amadurecimento. Mas, em alguns casos, como atrasos e dificuldades, é importante que a família procure a ajuda de um profissional para acompanhar e orientar em cada especificidade.

Ela deve se preocupar se percebe uma diferença significativa entre a fala do pequeno comparada com outras crianças da mesma idade. Justamente por isso, os pais e responsáveis devem acompanhar e observar com atenção e interesse o desenvolvimento da linguagem da criança.

Com 6 anos é esperado que ela já esteja falando todos os sons da fala, mas é importante deixar claro que, se ela não demonstrar o desenvolvimento da fala esperado, a fonoaudiologia pode ser aplicada antes disso.

Dicas para estimular o desenvolvimento da linguagem

Converse muito

A criança te ouve desde antes de nascer e não é porque ela ainda não fala que você deve deixar de conversar com ela. O pequeno ouve e consegue assimilar tudo o que lhe é dito por meio de palavras, tom de voz ou expressões faciais.

Leitura em voz alta

Ao ler para o pequeno você estimula sua imaginação, possibilitando que ele amplie seu vocabulário, além de criar uma rotina importante de leitura. Dessa forma, os livros se tornam um hábito em seu dia a dia e você já começa a preparação para a fase de alfabetização infantil.

Cante

As músicas, mesmo as inventadas são excelentes para estimular a linguagem. Afinal, tanto a melodia quanto a repetição de palavras características das cantigas infantis chamam a atenção e facilitam o aprendizado dos pequenos.

Brinquedos educativos

Da mesma forma que o aprendizado de conceitos e regras da sociedade é por meio de brincadeiras, o desenvolvimento da linguagem também é beneficiado em momentos de diversão e faz de conta. Inclusive, existem brinquedos educativos específicos para estimular essa habilidade e o investimento realmente vale a pena.

Então, agora que você sabe mais sobre as etapas do desenvolvimento da linguagem e como ajudar e estimular seu pequeno, é hora de colocar o conhecimento em prática.

Lembre-se que cada criança é única e por isso você deve ter paciência e saber analisar os sinais para entender se deve contratar a ajuda de um especialista. Por fim, ofereça estímulos para a criança, converse, brinque e esteja sempre presente para acompanhar seu desenvolvimento.

Saiba quais são as etapas do desenvolvimento da linguagem nas crianças