Ukulele ou Violão? Saiba quais são as principais diferenças entre esses dois instrumentos musicais

Muitas pessoas em algum ponto da vida acabam tendo a curiosidade de como seria aprender a tocar algum instrumento.

Esse tipo de curiosidade acaba recaindo majoritariamente sobre instrumentos de corda, uma vez que instrumentos como baterias podem ser barulhentas demais para um bairro, ou mesmo teclados podem ser caros demais para se começar. 

O violão tende a ser o favorito, mas muitas vezes vemos pessoas curiosas sobre começar a aprender um outro instrumento muito próximo do violão: o Ukulele. 

Pode ser que você esteja familiarizado com o nome ukulele, mas ele é um instrumento que você provavelmente já viu nem que for em algum vídeo, principalmente se você já foi a algum luau de praia ou já viu algo sobre. 

Sendo assim, esse é aquele tipo de instrumento pequeno, que se assemelha muito a um cavaquinho, por exemplo, mas que curiosamente é tocado de uma forma que, olhando, lembra a maneira de tocar violão. 

Isso, claro, acaba levantando uma dúvida muito comum: afinal, qual é a grande diferença desses dois instrumentos?

Essa dúvida quase sempre vem diretamente da pessoa que não sabe tocar nem um e nem o outro, e está em dúvida de qual começar.

Até porque, sabemos que é extremamente difícil querer começar tocando os dois de uma vez, acaba sendo muito para a cabeça de um iniciante, então quase sempre a pessoa escolhe e se foca.

E para te ajudar na escolha do instrumento em qual você vai se focar, hoje vamos falar um pouco sobre esses dois instrumentos, e levantar todas as grandes diferenças de um para o outro. 

Alguns mitos sobre os instrumentos

Vamos começar falando então sobre algumas histórias que são contadas envolvendo os dois instrumentos, que devem ser desmistificadas para que não induzam as pessoas ao erro. 

A primeira coisa é de que o Ukulele seria mais fácil de ser aprendido, e por isso deveria ser a primeira opção de uma pessoa novata.

Existe um fragmento de verdade nessa afirmação equivocada: o Ukulele realmente é um instrumento mais simples. Para se ter ideia, o Ukulele Kalani tem apenas 4 cordas, o que limita um pouco o número de acordes e notas que você pode fazer.

Isso é o suficiente para que muitas pessoas preferem começar por ele, mas não é porque ele é mais simples e tem menos corda que ele é mais fácil.

Ser mais fácil é algo muito relativo, porque fazer música é algo muito pessoal. O instrumento de um bom músico é uma extensão de seus pensamentos e sentimentos, e é aqui que as coisas que ele pensa e sente são canalizadas.

E isso significa que algumas pessoas podem ter uma facilidade maior de se expressar musicalmente com um violão, outras com uma guitarra, com um contrabaixo e também com o Ukulele.

Mas isso não significa de forma alguma que é porque algum deles é mais fácil, e sim porque aquele instrumento fala mais com os talentos e desejos de quem está tocando. 

Então ao invés de simplesmente escolher o instrumento pelo “mais fácil”, a melhor coisa que a pessoa pode fazer é encontrar qual é o melhor instrumento para ele, seja com aulas, seja pesquisando muito bem. 

As maiores diferenças de um para o outro 

No que diz respeito a tocar, as notas do Ukulele são mais simples, mas por outro lado requerem apenas 2 dedos para serem feitas, enquanto o violão requer 6. 

Outra diferença óbvia está no tamanho, enquanto o Ukulele é bem pequeno o violão pode ser considerado grande. Isso se reflete no preço também.

É possível encontrar um violão bem barato por R$200, no entanto, se a pessoa quiser um violão top de linha, ela pode desembolsar R$1.000. Se formos comparar, um Ukulele tem o mesmo valor de um vilão de média qualidade, algo entre os dois valores citados.

Mas uma diferença entre os dois lados, que acaba pesando mais para o lado do vilão, é a dificuldade em encontrar professores.

Existem professores de violão para todos os lados, seja em uma escola de música propriamente dita ou até mesmo em um professor que trabalha em autodidata. 

Mas com o instrumento pequeno as coisas já não são exatamente fáceis assim não. Dependendo de onde você mora, pode não ser muito fácil encontrar um professor.

Algumas pessoas usam como desculpa para comprar o instrumento o fato de que ele é bem mais fácil, e acham que por isso vão poder aprender sozinhos.

Mas é importante lembrar que todo e qualquer instrumento musical requer treinamento teórico. Na prática, é importante, mas é muito difícil imaginar uma prática sem qualquer teoria.

Em resumo, o violão e o Ukulele têm suas diferenças, mas elas estão muito mais ligadas ao gosto de quem quer ou não aprender do que a qualquer outra coisa.

você pode gostar também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência, você pode optar por não participar, se desejar. AceitarLeia mais