Certificados digitais facilitam a declaração de renda

Certificados digitais facilitam a declaração de renda: entenda!

Declarar o IR é sempre um momento de tensão para muitos brasileiros. Afinal, não podemos errar. Entenda como deixar esse processo mais fácil

Como certificado digital ajuda na declaração de renda

Afinal, o que é o Imposto de Renda? Este é um tributo cobrado anualmente pelo governo federal sobre os ganhos de pessoas e empresas. O valor a ser pago é cobrado de acordo com os rendimentos declarados.  

Ou seja, as pessoas que ganham mais e têm renda maior pagam mais impostos, enquanto aqueles com renda menor pagam um valor menor de tributo ao governo. Com o IR, a Receita Federal entende se um cidadão está pagando mais ou menos impostos do que deveria.

Todo ano, entre março e abril, é preciso declarar o IR e tem um prazo para que isso seja feito. Caso a pessoa não declare seu rendimento, poderá sofrer graves penalidades. Então, é obrigatório enviar esta declaração até o prazo estipulado pelo governo.

Neste momento, é comum surgir muitas dúvidas sobre o assunto e principalmente, em como fazer essa declaração corretamente e não ter problemas mais sérios no futuro.

Muitas pessoas não sabem como declarar seu rendimento e se sentem inseguras quanto ao procedimento. Outros não conhecem as ferramentas disponibilizadas pela própria Receita Federal para facilitar este momento, mas principalmente, os contribuintes têm medo de errar.

Isso porque, é preciso preencher diversas informações nesta declaração e errar alguns dados pode levar o contribuinte a cair na famosa malha fina – quando o documento fica retido pela Receita Federal.

Muitas vezes, erros pequenos, como de digitação, podem fazer com que a declaração fique retida. Então, muita atenção ao preencher os dados.

A fim de evitar esse tipo de situação e diminuir estas pequenas falhas, os certificados digitais começaram a ser usados.

Desde 2019, os documentos eletrônicos são usados a favor da declaração do Imposto de Renda. Além dos outros diversos benefícios, esses certificados evitam erros de digitação e otimizam o processo de declaração, o tornando mais rápido e prático.

Muitos ainda não sabem dessa ferramenta e perdem horas preenchendo suas informações. Entenda como os certificados digitais te ajudam a declarar o Imposto de Renda.

Como o certificado digital pode auxiliar no processo do IR

Certificados Digitais são ferramentas importantes para dar mais segurança e credibilidade às transações feitas pela internet. Um e-CNPJ, por exemplo, substitui o documento físico e pode validar e formalizar operações digitais feitas pelas empresas.

Estes certificados funcionam como uma identidade digital com validade legal tanto para pessoa física (e-CPF) quanto jurídica (e-CNPJ).

Esses recursos garantem, segundo o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), autenticidade, confidencialidade e integridade nas operações eletrônicas.

Por saber que a declaração de imposto de renda é um momento complexo e de muita atenção, a Receita Federal está sempre lançando novidades ou ferramentas para facilitar este processo ao contribuinte.

Em 2019, o órgão autorizou e regulamentou o uso dos certificados digitais no preenchimento de informações na declaração. Como? Antigamente, era preciso digitar dado por dado no documento. Por isso, muitos erros de digitação ou falta de atenção aconteciam.

Com este certificado, o processo está automatizado, pode ser feito com alguns cliques. Como veremos no próximo tópico, está mais fácil e rápido fazer essa declaração – aproveite essas ferramentas e a faça o quanto antes para não se preocupar com o prazo.

Com um certificado digital é mais fácil enfrentar o leão

O contribuinte que já tem um certificado digital – seja e-CNPJ ou e-CPF – não terá este trabalho de preencher todas as informações manualmente.

Com este recurso, a pessoa conseguirá acessar o pré-preenchimento das informações no documento.

Dados esses que já estão na base de dados da Receita Federal, como bens, doações, rendimentos recebidos, tributáveis ou não.

Então, o contribuinte terá uma declaração semipronta com a maioria das informações preenchidas.

Com isso, o processo é revisar, analisar se está tudo correto, adicionar itens se necessário e ajustar a declaração. O que torna o processo muito mais rápido e seguro.

O principal objetivo de usar os certificados digitais para este fim é evitar que as pessoas caiam na malha fina por erros de digitação ou esquecimento de algum comprovante – já que são muitos.

A declaração de imposto de renda então, se torna ainda mais precisa, sem erros e rápida. Não terá muito trabalho neste processo, será mais seguro e rápido.

Como ter um certificado digital?

Se ainda não tem um certificado digital, não se preocupe: é simples conseguir um. Existem diversas empresas especializadas em emitir certificados digitais no Ipiranga, as chamadas certificadoras.

Acesso o site de uma dessas Autoridades Certificadoras – que seja habilitada pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ICP-Brasil) – e solicite um certificado digital. Escolha o ideal para suas necessidades, como o e-CNPJ para empresas.

Depois disso, uma análise rápida será feita e caso aprovado, logo terá seu certificado digital pronto para te ajudar com o Imposto de Renda. Existem dois tipos dessas certificações, o A1 ou A3.

Essas opções se diferem em como o certificado ficará armazenado, no seu navegador ou em um token. A principal diferença entre eles é como usará o recurso e o nível de segurança.

Converse com o profissional da certificadora para fazer uma boa escolha, de acordo com suas necessidades e rotina.