Espaço de coworking vs. Escritório compartilhado

O que é exatamente um espaço de Coworking?

Parece que o conceito de coworking está se tornando dia a dia mais comum e estamos nos acostumando com o termo. Mas, nós realmente sabemos como distinguir essa variedade de outros modelos de trabalho semelhantes? As pessoas tendem a não ver claramente o que novo (precisa de um substantivo aqui) que um espaço de Coworking em Brasília traz para que eles não possam entender as razões de seu crescimento repentino. Em geral, o conceito de Coworking tem caráter colaborativo e vontade de criar uma atmosfera agradável de cooperação e sinergias.

Espaço de coworking vs. Escritório compartilhado

A verdade é que nem todos os tipos de profissionais estão procurando ou precisam de um espaço com essas características. Há todo tipo de necessidade, e algumas pessoas talvez só queiram reduzir custos ou separar o profissional e os espaços pessoais. Para ajudar a decidir qual tipo de espaço lhe servirá melhor, estabelecemos 3 tipos principais de espaços compartilhados:

Centro de coworking:

É um espaço aberto onde todos os colegas de trabalho formam uma comunidade. Em um centro de Coworking, não há hierarquias, gestores, trabalhadores e colegas de trabalho trabalham de forma igualitária e horizontal. Geralmente, os parceiros que encontraram o espaço são aqueles que escolhem qual estilo e filosofia seguirão o espaço, mas a comunidade é quem define o meio ambiente dia a dia, estabelecendo a dinâmica e o espírito do Coworking.

Em um centro como este geralmente há muitos tipos de eventos e reuniões para incentivar todos os tipos de networking entre os colegas de trabalho (prioridade), mas também com outras empresas, pessoas e também para integrá-los mais no bairro.

Os eventos estão ajudando na criação de sinergias entre colegas de trabalho, mas outro sinal de uma boa comunidade é quando os colegas de trabalho estão se fazendo propostas de qualquer tipo de evento/atividade para sua comunidade, o que significa sempre uma troca de conhecimento.

Encontros, peças de treinamento, iniciativas culturais, apresentações de startups, celebrações ou qualquer atividade lúdica são muito frequentes nesses espaços. Aqui, você também encontrará posições de trabalho como a Construtora Comunitária, que não tem nada a ver com o Gerente comunitário e é a responsável pela comunidade e suas necessidades.

Centro de negócios com Coworking:

Este é um modelo misto, com um centro de negócios tradicional (geralmente um grande quarto) para ser alugado por freelancers que precisam de um espaço de trabalho. Os usuários desse tipo de centro geralmente têm todos os serviços necessários para o seu dia a dia de trabalho e a oportunidade de conhecer novas pessoas e profissionais com a mente aberta como eles, mas eles não terão uma equipe tentando promover as sinergias entre eles e organizando atividades para a comunidade.

Escritório compartilhado:

Esse conceito surge de uma necessidade econômica básica.

As empresas que sofreram uma redução do orçamento, por exemplo, começam a encontrar na partilha do escritório uma solução prática e razoável. Esse modelo é semelhante aos demais com o método de pagamento e as tarifas (geralmente por pessoa ou por mesa) com descontos para equipes e empresas.

Mas geralmente um escritório compartilhado não cria uma comunidade que compartilha, seus membros vão todos os dias ao escritório para trabalhar, e eles compartilham mais do que espaço porque eles podem interagir e criar amizades, mas o ambiente comum é o trabalho.

Mesmo que seja muito claro que o centro de Coworking é a opção mais enriquecedora, também é verdade que requer uma mente aberta e estar pronto para conhecer pessoas, compartilhar com elas e fazer colaborações com outros colegas de trabalho.