4 dicas para aproveitar melhor seu orçamento de construção

Construir ou reformar um imóvel é um desafio da vida adulta que traz algumas dores de cabeça, mas que dificilmente não somos obrigados a lidar em algum momento da vida. E mesmo para quem é profissional da área, é muito importante concordar com boas práticas de gestão para que o orçamento investido em determinada obra seja mais bem aproveitado.

orçamento de construção

A boa notícia é que este artigo trará 4 dicas sobre como economizar recursos para que a obra dos seus sonhos seja mais barata e dinâmica. Existem metodologias modernas de gestão que ajudam esse trabalhoso processo a ser percursor de menos dores de cabeça. O aluguel de andaime é uma forma de terceirização que muitas empresas de construção civil adotam para reduzir custos, por exemplo.

Orçamento prévio

Essa dica pode parecer óbvia e clichê, mas é muito importante que ela seja a primeira citada porque existem muitas pessoas que decidem construir ou reformar do dia para a noite. Realizar antes um orçamento evita muitas dores de cabeça.

Neste orçamento, é preciso que sejam analisados:

  • Os materiais necessários;
  • A mão de obra;
  • O valor de cada material;
  • Margem de sobra para cobrir custos não programados.

Já neste começo, você consegue garantir uma previsão de gasto para que seu bolso não seja pego de surpreso ao final da obra.

Faça cotação de preços

Após arquitetar todo o orçamento, é hora de cotar preços, negociar, tentar encontrar promoções e vantagens nas diferentes lojas e empresas especializadas em obras.

É conversando com fornecedores que você conseguirá, muitas vezes, encontrar um preço até mais acessível do que aquele que você estava inicialmente planejando. Não tenha medo de negociar e pechinchar, dado que, a concorrência no mercado é crescente.

Compre em larga escala

Se você vai precisar de bastante cimento para a sua obra, por que comprar aos pouquinhos se pode conseguir negociar bons descontos adquirindo uma abundante quantidade do material logo de cara?

Analise quais são os itens necessários para que a sua obra seja realizada e busque comprar o maior número em uma só vez. Essa prática mostrará aos fornecedores que você é um bom comprador e abrirá as portas para melhores negociações de preços com você.

Também é possível negociar que a entrega destes materiais seja feita gradualmente, conforme a necessidade, caso não haja um espaço para que você armazene todos os materiais de uma vez.

Acerte na escolha dos profissionais da obra

Escolher a dedo os profissionais responsáveis pela prestação de serviço da sua obra é outra prática para economizar dinheiro, bem como para evitar futuros transtornos.

Não deixe de procurar referências, entrevistar os candidatos a profissionais de sua obra e tente identificar se eles estão na mesma linha de pensamento que você na forma de enxergar o projeto que deseja construir ou reformar.

Muitas vezes, o velho ditado do “barato sai caro” pode ser muito real. Se você não contratar profissionais realmente capacitados, pode ser que mais para frente, seja necessária a contratação de nova mão de obra para realizar correções não previstas. E desta forma, a economia inicialmente prevista acaba não acontecendo.