Carreira de corretor de imóveis: por onde começar?

Quem opta por uma profissão como a de um corretor de imóveis pode esperar um universo um pouco diferente de áreas mais convencionais de trabalho. Essa profissão possui muitos diferenciais, como maior flexibilidade de horários, benefícios na qualidade de vida e outros.

No entanto, você deve estar se perguntando: o que é preciso fazer para ingressar na carreira de corretor de imóveis, uma vez que tal profissão tem tantas particularidades? É preciso de estudo e preparo para se ter sucesso trabalhando com compras, vendas e locação de casas, apartamentos, prédios e terrenos. Confira algumas dicas a seguir!

Como se tornar um corretor de imóveis

O passo a passo para conseguir a habilitação de um corretor de imóveis inclui um curso de capacitação e um estágio supervisionado para, enfim, obter a certificação do CRECI – que regulamenta a profissão no Brasil.

O início de tudo precisa ser um investimento na capacitação profissional na área imobiliária. Alguns cursos, como marketing e administração, podem até ajudar, mas não são suficientes para que um corretor de imóveis seja qualificado.

É preciso investir em uma formação técnica ou mesmo a nível de bacharel em ciências imobiliárias. Em geral, o curso tem duração de 2 a 4 anos. Os requisitos para matrícula no curso é ter ao menos 18 anos e ter concluído o ensino médio. 

O curso traz noções básicas de vendas, marketing, gestão, direito imobiliário e economia. Também costuma ser necessário apresentar um trabalho de conclusão de curso. 

Na sequência, é fundamental fazer um estágio supervisionado por um profissional experiente em uma empresa da área imobiliária. Embora algumas instituições de ensino não exijam um estágio, é muito importante ter um primeiro contato com a área, de forma a adquirir experiência e realizar networking.

Só então é possível conquistar seu registro no CRECI – Conselho Regional de Corretores de Imóveis, instituição responsável por fiscalizar a profissão. 

Em geral, é preciso levar ao Creci os seguintes documentos:

  • Carteira de identidade;
  • CPF;
  • Certificado de reservista (para homens);
  • Título de eleitor com comprovante de votação dos dois turnos da última eleição;
  • Certificado de conclusão de ensino médio;
  • Diploma do curso técnico ou bacharelado;
  • Foto 3×4 recente;
  • Comprovante de endereço;
  • Comprovante de estágio supervisionado assinado por um profissional credenciado.

A partir dessa documentação devidamente regularizada, já é possível dar início às atividades como um corretor de imóveis credenciado.

Benefícios de ser um corretor de imóveis

Tem crescido, significativamente, o interesse pelo trabalho na área de corretor de imóveis. Um dos seus principais atrativos é trabalhar com horários mais flexíveis, sobrando tempo para momentos de lazer. A remuneração da área também costuma ser bem interessante.

As principais vantagens que a profissão apresenta para os corretores imobiliários são:

  • Bom retorno financeiro;
  • Profissão tranquila e segura;
  • Mercado de compra e venda sempre em evidência;
  • Sem limite para faixas etárias;
  • Escalas flexíveis de trabalho;
  • Possibilidade de crescimento na área.

Agora que você já sabe os principais passos para se tornar um corretor de imóveis de sucesso, comece a colocar em prática o plano para se credenciar.

Carreira de corretor de imóveis