Nhoque da sorte: conheça a lenda dessa receita 

Quem já esteve em uma tradicional cantina italiana no dia 29 de algum mês sabe: é dia de comer nhoque da sorte! 

Conhecido também como nhoque da fortuna, o prato tem uma receita tradicionalíssima e a lenda que o envolve existe há mais de 17 séculos. Mesmo com tanto tempo, o ritual permanece muito forte e tem adeptos fiéis em todo o mundo.

Saiba mais sobre essa história intrigante e aprenda a preparar essa delícia para surpreender a família, os amigos e, quem sabe, conseguir uma boa surpresa! Que tal?

Reza a lenda…

Segundo a história, em uma fria noite de 29 de dezembro, São Pantaleão perambulava por um vilarejo da Itália. Maltrapilho, com frio e faminto, o santo católico decide pedir ajuda. 

Ao bater à porta da casa de uma família numerosa, o santo pede por comida e, apesar de ter muito pouco a oferecer para os próprios filhos, esposa e para si mesmo, o patriarca fez questão de dividir o humilde jantar com o desconhecido. 

E qual era o prato servido naquela noite? Nhoque! Cada um que se reuniu em torno da mesa pode se servir apenas com sete pedacinhos de massa. Mesmo com a estranheza de toda a situação, ninguém se queixou. 

Após comer e agradecer pela hospitalidade, São Pantaleão seguiu sua jornada. 

O pai daquela família, após se despedir do estranho, decide tirar a mesa. E qual não foi sua surpresa ao se deparar com um monte de dinheiro embaixo dos pratos?

A história desse milagre correu o mundo e, até hoje, milhares de famílias a celebram em todo dia 29, comendo o prato que foi servido ao santo e pedindo por boa sorte.

Como celebrar a tradição?

Para apreciar o nhoque da sorte, não basta se deliciar com a massa. É preciso seguir alguns passos para que o ritual da fortuna se realize.  

Primeiro, deve-se colocar uma nota de dinheiro sob o prato. Em seguida, é preciso comer sete pedacinhos de nhoque em pé, e fazer um pedido para cada um deles. Só então a família ou amigos reunidos se servem para comer à vontade

Algumas versões da lenda recomendam também mentalizar prosperidade ao mastigar o nhoque e pedir para que nunca falte comida na mesa e nem dinheiro no bolso. 

Em todo caso, é preciso ter bastante fé e acreditar que os pedidos vão se realizar!

Como preparar o nhoque da sorte?

Que tal testar a simpatia no próximo dia 29? Para isso, é preciso preparar uma bela massa!

Como o passo a passo para fazer o nhoque desde o início não é nada simples, nossa recomendação é adquirir a massa já pronta com um fornecedor de massas de sua confiança.

Assim, é possível deixar o preparo mais prático e aproveitar todo tempo disponível para saborear esse prato delicioso junto com aqueles que amamos, tal qual fazia a família visitada por São Pantaleão.

Vamos à receita! 

Ingredientes:

  • 1 pacote de nhoque pronto;
  • 2 kg de tomates maduros; 
  • 6 dentes de alho;
  • 2 cebolas médias picadas;
  • Folhas de manjericão a gosto;
  • Sal e pimenta do reino a gosto; 
  • Azeite de oliva para regar.

Modo de preparo:

Limpe os tomates, retirando a pele e as sementes e o triture no liquidificador ou triturador. Leve o tomate já batido ao fogo médio e deixe ferver até ficar bem grosso.

Em seguida, bata os dentes de alho com as cebolas e folhas de manjericão a gosto no liquidificador até que se tornem uma pasta. Acrescente essa mistura ao molho de tomate e mexa para incorporar todos os ingredientes. 

Adicione o sal e a pimenta nas quantidades que preferir. Deixe ferver mais um pouco e regue com o azeite. 

Aqueça o nhoque segundo as orientações do fabricante, acrescente ao molho e sirva em seguida. Se desejar, acrescente folhinhas de alecrim e parmesão ralado. 

Em seguida, é só se deliciar!

Bom apetite e boa sorte!

Nhoque da sorte