Como melhorar a armazenagem de seus produtos?

Em uma empresa, os produtos são peça-chave e precisam de um armazenamento adequado. Afinal, é por meio dele que é possível adquirir maior agilidade na movimentação dos itens, além de garantir sua integridade para quem chegue até o cliente da mesma maneira que saiu da organização. No entanto, mais do que ter um local para guardar, é fundamental estabelecer um processo de organização, além de procurar novas alternativas, como por exemplo o uso de galpão logístico.

Portanto, pensando em te ajudar, preparamos o post de hoje com dicas importantes para melhorar a armazenagem de seus produtos. Vamos lá?

1. Tenha uma estrutura adequada

É muito importante que o local que irá armazenar suas mercadorias tenha uma estrutura adequada para garantir um fluxo eficiente na movimentação de recepção e expedição de itens. Nesse sentido, o galpão logístico é uma excelente alternativa, visto que já está preparado para receber esse tipo de função. É importante que ele tenha um pé-direito alto para suportar a estrutura de porta-palets, um piso que aguente o peso dos equipamentos e materiais, iluminação eficiente e econômica, etc.

2. Utilize recursos tecnológicos

Ter controle de todas as rotinas da gestão de armazenagem e distribuição é essencial para garantir um bom desempenho. Afinal, quando os gestores têm domínio sobre os processos e resultados, são capazes de realizar melhores análises e identificar gargalos, amenizando prejuízos e erros a tempo. Nesse sentido, os recursos tecnológicos devem ser utilizados a favor da organização, como o ERP (Enterprise Resource Planning). Ele é uma solução que interliga todas as áreas em um só lugar, conferindo maior controle, produtividade e comando em tempo real.

3. Organize a entrada e saída de mercadorias

O controle de entrada e saída de mercadorias deve ser feito com um software de gestão de estoque, pois permite controlar tudo de forma automática. Já em empresas menores, isso pode ser feito por meio de uma planilha eletrônica, mas ainda assim, vai exigir maior atenção dos responsáveis para evitar erros no lançamento. No controle é importante ter todas as informações sobre o produto, como anotação de documentos, quantidade, endereçamento em que ele será armazenado e, quando houver saída, dar a baixa com o registro.

4. Mantenha os produtos na embalagem original

A fim de manter a qualidade e integridade dos produtos, é importante mantê-los na embalagem original e tomar os devidos cuidados para que não apresentem problemas. Dessa forma, é mais fácil garantir a segurança das mercadorias, ajudando, até mesmo, no processo de separação e identificação, assim como otimizar o espaço em que serão colocadas.

5. Armazene corretamente

É essencial que os produtos sejam armazenados da forma correta, a fim de garantir a agilidade nos processos de movimentação de cargas, especialmente em dias mais movimentados. Para isso, é possível utilizar a curva ABC, em que os materiais de maior giro, por exemplo, ficam mais próximos à recepção, oferecendo maior rapidez para a chegada e saída, enquanto outras podem ficar em posição intermediária ou mais distantes, visto que não são movimentadas com a mesma frequência.

6. Defina um layout adequado

O layout do armazém precisa ser projetado para oferecer a maior eficiência possível para a movimentação do dia a dia. Portanto, é necessário considerar o fluxo de operações, movimentação de equipamentos, operadores e demais ferramentas necessárias. Tenha em mente que o espaço precisa ser muito bem aproveitado, ou seja, utilizando sua disponibilidade de maneira inteligente, mantendo uma estrutura organizada e flexível, assim como contar com sinalização a fim de manter a organização, que vamos falar abaixo.

7. Mantenha a organização

Além de ter uma boa disposição das mercadorias e estrutura, é primordial manter a limpeza e organização em dia. Afinal, são fatores básicos para manter o espaço conservado e, ao mesmo tempo, evitar possíveis acidentes. A manutenção da organização é indicada para manter tudo no lugar correto, ou seja, sem qualquer objeto espalhado, além de deixar espaço suficiente para movimentação de equipamentos. Além disso, locais de circulação precisam estar sempre livres e, qualquer elemento que não esteja sendo útil, deve ser descartado imediatamente. Por fim, mantenha o piso sempre limpo, assim como as embalagens.

8. Faça o controle de estoque

É essencial realizar o controle de estoque criteriosamente para garantir que os números apresentados no sistema estejam iguais ao número de mercadorias disponíveis no armazém. Para isso, deve-se realizar o gerenciamento de todas as entradas e saídas e conferir os números do sistema com os produtos existentes. Dessa forma, é possível evitar imprevistos, como falta de insumos para produção ou mercadorias disponibilizadas para venda.

Portanto, tenha em mente que a armazenagem vai muito além de ter um espaço para suas mercadorias, sendo necessário analisar diversos fatores, além de manter o controle sempre em dia. Dessa forma, você garante a integridade e proteção de seus produtos, ao mesmo tempo que promove maior agilidade nos processos. 

Como melhorar a armazenagem de seus produtos