Um guia para enoturismo na Europa

A cada ano que passa, a procura pelo enoturismo cresce mais na Europa. E não é de se admirar, já que o continente é o berço da produção do vinho.

Acredita-se que a bebida começou a ser produzida em alguns países da Europa há quase 7 mil anos.

Bons vinhos aliados às paisagens incríveis que a Europa tem, fica claro porque a procura está crescendo. Quer conhecer um pouco mais sobre os principais países produtores de vinho e o crescimento do enoturismo na Europa? Acompanhe a seguir!

#1. Vinhos de Portugal

Portugal é, sem dúvida, um dos destinos mais procurados por amantes de vinhos, e um dos países que mais movimentam dinheiro com o enoturismo.

E grande parte disso se deve à produção de um vinho especial que só é produzido por lá: o vinho do porto.

Mas o enoturismo em Portugal não se limita apenas ao vinho. O que atrai muito a atenção dos turistas são as regiões onde a bebida é produzida.

Você sabia que Vinhateria do Alto Douro é uma região de produção de vinho que foi tombada como Patrimônio Mundial da UNESCO em 2001? Isso se deve às suas incríveis paisagens naturais!

A verdade é que enoturismo na Europa está muito conectado não só ao vinho, mas à interação das pessoas com a natureza. Por isso, se você for a Portugal para conhecer as vinícolas, prepare sua máquina fotográfica!

Você também poderá ter uma experiência incrível ao passear de barco pelo Rio Douro para conhecer as vinhateiras próximas da região.

Alantejo também é um local de forte produção de vinho em Portugal, especialmente nas regiões mais próximas à cidade de Évora. A própria cidade é um museu a céu aberto, e só de conhecer a região já valeria muito o passeio.

Lá são produzidos alguns dos melhores vinhos da Europa. Além de se deliciar com a degustação, você poderá conhecer construções históricas que datam de milênios.

Em 2014, Alantejo foi eleita pelo USA Today como a melhor região produtora de vinhos. E é fácil chegar até lá, especialmente porque há pacotes bem em conta no Brasil.

Só não se esqueça que para viajar para Alantejo, você precisa estar em dia com o seu seguro viagem. Saiba mais!

#2. Produção de vinhos na Espanha

Outro país que tem tradição na produção de vinhos é a Espanha. Portanto, para tornar seu roteiro de enoturismo ainda mais completo, não deixe de visitar alguns locais desse país.

Você pode começar por La Rioja, que tem algumas das vinícolas mais tradicionais não só da Espanha, mas da Europa como um todo. Algumas foram construídas em meados de 1700 e conservam algumas garrafas de vinho até hoje!

Outras são mais modernas, mas não pecam na qualidade do vinho produzido.

Saindo de La Rioja, você também deve conhecer a região de Catalunha, que fica na porção nordeste da Espanha. Há uma quantidade enorme de vinícolas nessa região, e por isso ela é considerada a terra do vinho na Espanha.

Alguns dos vinhos mais famosos do mundo são produzidos lá, como o espumante Cava. Há muito o que se fazer por lá, então vale a pena considerar no seu roteiro.

A gastronomia também é rica, e você pode apreciar com os belos vinhos da Catalunha.

#3. Vinhos franceses

Claro que não poderíamos deixar a França de lado nesse quesito. A França possui uma quantidade enorme de vinícolas, sendo que algumas delas produzem os melhores e mais caros vinhos do mundo.

Podemos citar, por exemplo, Bordeaux. Há dezenas de vinícolas nessa região, e algumas delas têm uma importância muito grande na história do país.

Os passeios não são caros, e algumas vinícolas oferecem até mesmo cursos para quem quer aprender mais sobre as bebidas.

Você também poderá participar da colheita das uvas, mas para isso é preciso marcar a visita com antecedência. Até porque, elas estão sempre muito cheias de turistas do mundo inteiro.

E, claro, não pode deixar de conhecer Champagne. Essa região é muito especial, e também virou Patrimônio Mundial da UNESCO.

E lá não é só o vinho que chama a atenção. Alguns pontos históricos e muito importantes estão lá, como a Catedral de Notre Dame de Reims. Ela foi construída há mais de 800 anos!

Grande parte dos vinhos e champagnes são brancos ou rosados. As principais uvas utilizadas na região são pinot noir, pinot meunier e chardonnay.

Aproveite para conhecer Dom Ruinart e Dom Périgon, duas das vinícolas mais famosas da região!

#4. Itália

Por fim, aproveite seu passeio para conhecer a Itália, que também é muito tradicional no enoturismo. A melhor região que você pode conhecer é a da Toscana, que detém a maior produção de vinho de todo o país.

Alguns dos mais famosos vinhos são produzidos por lá, como Brunello di Montalcino.

As vinícolas da Toscana têm passeios guiados, e além de poder degustar as bebidas, poderá desfrutar de uma gastronomia deliciosa em ótimos restaurantes italianos.

Conheça também Piemonte, outra região onde há grande produção de vinho. É o destino ideal para quem quer conhecer mais sobre o vinho em locais mais tranquilos, pois essa região fica no interior da Itália.

Além de apreciar os vinhos, há paisagens lindas nessa região, ideais para quem prefere o campo.

Visite também a Villa dela Regina, um local especial onde há jardins enormes e um lindo castelo. Lá você poderá apreciar um bom vinho em grande estilo!

Já decidiu o que quer conhecer primeiro? Então aproveite para providenciar o seu seguro viagem! Veja aqui.

Um guia para enoturismo na Europa